Nome do projeto: Weddiphoto Weddidays, Casa-me
Área de negócio: Plataforma online para gestão de casamentos
Data: 2014

Em 2014 decidi desenvolver uma plataforma de gestão de casamentos, incluindo tudo o que envolve um casamento.

O projeto era bastante ambicioso, e com extrema relevância para os possíveis clientes. A plataforma era uma mais valia para os noivos, onde num só local poderiam fazer toda a gestão do evento.

A utilização desta plataforma por parte dos noivos era gratuita, logo estava a oferecer um serviço de valor acrescentado. A rentabilidade do negócio viria da presença e oferta de serviços por parte dos fornecedores de serviços e produtos que envolvem todo o casamento, desde fotógrafos, espaços de eventos, animação, viagens, fotógrafos, alugueres etc…

 

 

Mas uma vez, desenvolvi toda a comunicação gráfica, layout dos sites e parti para o próximo passo. O desenvolvimento.

Como tinha de ser uma solução à medida, contratei um amigo programador para desenvolver o projeto. Chegámos a desenvolver uma parte do projeto, mas passados alguns meses deitei a toalha ao chão… e desisti do projeto.

Layout-cliente-login

Mas porque?

Naquela altura não tinha a verdadeira noção do que é desenvolver um projeto online de raiz, personalizado e à medida. Quer dizer que o programador tem de escrever todas as linhas de código para o projeto, e eu não tinha noção do trabalho que iria dar…

O projeto era ambicioso demais para ser desenvolvido apenas por uma pessoa, e apenas com disponibilidade nas horas vagas… Este projeto precisava de uma equipa, não de uma pessoa.

Aprendi a lição, não basta ter uma ideia, é preciso ter uma equipa que a materialize. A realização de pequenos projetos, podem ser possíveis de alcançar por uma pessoa só, mas se quiseres voos maiores é obrigatório organizar uma equipa, que possa desenvolver tarefas diferenciadas e interligadas.
O ideal, é que as pessoas da equipa sejam mais inteligentes do que nós 🙂

Além da equipa é necessário tempo, tempo para estruturar, realizar, implementar, analisar e reagir. Um projeto ambicioso não se implementa em meses, mas sim durante vários anos.